sábado, 21 de março de 2009

Engolindo o seco

Acordei pisando em falso hoje cedo. Chutando a memória pelo quarto, tropeçando nos sentidos...
Seria perfeito se eu relatasse aqui, uma carta qualquer sem nenhum sentimento.


E depois de tomar meu café amargo com pão amanhecido, só consegui pedir forças pra conseguir viver até daqui a pouco.




Mas mais parece daqui a tanto...

Um comentário:

Lari disse...

Ah maravilhoso.
daqui a tanto..